O meu cantinho!...

Não sou Poeta, não sou Professor, não sou Engenheiro e muito menos Doutor. Sou alguém que aprendeu a ser o que é, porque um dia me disseram que na vida o que realmente importa é ser eu próprio, confiar nos sentimentos e respeitar o que nos rodeia, ...as pessoas e ...o Mundo!

(Não é permitida a duplicação de partes ou da totalidade deste site sem a permissão do WebMaster)

» Ver dados pessoais «

terça-feira, outubro 03, 2006

Comentário ou Desabafo?

Foto de CMatos (Outono)
Hoje (02 de Outubro de 2006) foi colocado um comentário ao meu post "Queimada Viva!" de 11 de Fevereiro de 2006, que me deixou muito sobressaltado e perturbado... Porquê? Leiam o comentário que aqui reproduzo na íntegra!

«eu tou ler o livro para apresentarmos eu e uma amiga na disciplina de portugues... foi a minha amiga k disse k este livro era bom. entao eu komprei mas x fossem ver o meu livro iriam enkontrar em mts paginas marcaxoes de bolinhas k nao têm a mesma kor k as paginas...e sabem o k isso é?!...sao a marcaçao das minhas lagrimas k eu nao konsegui prender dentro dos olhos e akabram por molhar o meu livro. mas msm axim inda tou na pagina 30 e tal...e inda nao xeguei a parte mais horrivel...kuando ela e keimada...tb a maneira dela dizer komo e k o pai dela lhe batia faz-m lembrar os meus...mas eu ka vivo em portugal por exemplo agr a minha mae akabou d me bater de cinto inda tenho as marcas na minhas costas e nas minhas pernas a arder pus gelo as escondidas para ver x a dor abrandava mas ta dificil...e para foxex verem komo estas cenas horriveis nao x paxam so as mulheres dakela raxa...mas em td o mundo. kando tiverem filhos ou mesmo x ja tiverm nao lhes batao a sempre uma maneira de os ensinar e tentem perguntar o k eles sentem pk estao triste kando xegam a casa kom uma kara mais notavel (pela negativa)...pensem no k vox disse...xau
p.s nao m vou identificar nao ppk tenho vergonha mas xim k nao tenham pena d mim pk os meus pais na m batem komo os da Souad na tem nd a ver...eles tb so m batem pa i d mes a mes=) bejinhos»

O negrito foi colocado por mim, para que quem não tiver pachorra (???) para ler tudo, pelo menos leia essas partes. É um testemunho impressionante e terrível de quem, nos dias de hoje, sente na pele a violência doméstica, muitas vezes gratuita, e que poderá "morar" mesmo ao nosso lado sem que disso demos conta. Chamo especial atenção ao pedido/alerta deste(a) jovem quando diz: «...kando tiverem filhos ou mesmo x ja tiverm nao lhes batao a sempre uma maneira de os ensinar e tentem perguntar o k eles sentem pk estao triste...»

Este comentário foi colocado como anónimo, e não tenho qualquer possibilidade de aferir da sua autenticidade, no entanto também não tenho motivo para duvidar da sua veracidade, pelo que permite que te diga que vai uma grande diferença entre educar e violência, e nem sequer a sua periodicidade (seja ela de mes a mes ou de ano a ano) a justificam. Hoje existem meios ao teu dispor para denunciares estas situações, para que te ajudem, ajudando também os teus pais! Usa-os e transforma a tua vida... Um abraço apertado e um beijinho terno... de TODOS NÓS!

8 Comments:

At 03 outubro, 2006, Blogger Amaral said...

É preciso coragem para escrever iosto, mesmo sendo anónimo e desconfiando da sua veracidade. Isto porque todos nós sabemos que situações destas acontecem na realidade em todo o mundo.
Devemos ter a coragem suficiente de "cortar o cordão umbilical" e pedir ajuda, denunciando os faltosos... mesmo que sejam nossos pais.
Tamanha violência não se justifica

 
At 03 outubro, 2006, Blogger pitanga said...

Matos, este triste relato vai de encontro ao meu post e ao da Greentea, esta semana. O que as pessoas vivenciam na infância, é o que levam pela vida. Ninguém dá carinho quando nem sabem o que é. "Uma questão de classe", vai ver. E não tem nada a ver com pobreza.
beijos

 
At 04 outubro, 2006, Blogger BlueShell said...

De facto...incomoda, dói, impressiona!!! Sei lá...revolta!
Estou revoltada e triste! É isso!

Um beijo, meu amigo!
BShell

 
At 04 outubro, 2006, Blogger Musician said...

De todos nós, inclusive eu!
Esta história tocou-me!
Infelizmente há muitos mais jovens com problemas iguais...há muita violência neste Mundo!
O meu desejo é que esta jovem e todos os outros, falem sobre o problema, não o escondam no coração!

Obrigado por pores posts tão elucidativos e que nos abrem tanto o coração!

Um bem hajas!

 
At 04 outubro, 2006, Blogger Luna said...

http://www.blogger.com/profile/29493345

Este é o blogue da Marta, uma menina de 12 anos segundo ela, pois parece mais velha pela forma como escreve, talvez esteja a crescer permaturamente, onde ela fala como é agredida pela mãe, é terrivel como tratamos as nossa crianças, é dificil sabermos o que fazer nestes momentos, mas é arrasador.
beijinhos

 
At 04 outubro, 2006, Blogger Bel said...

Depois de ler, só me resta desejar que ela te volte a visitar, que leia que há sempre a possibilidade de ajuda. A violência é sempre gratuita.
Um beijo de carinho para a menina
bom feriado

 
At 05 outubro, 2006, Blogger TSFM said...

Estou chocado...
Chorei...

 
At 21 janeiro, 2010, Blogger freefun0616 said...

酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店經紀,
酒店打工經紀,
制服酒店工作,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
專業酒店經紀,
合法酒店經紀,
酒店暑假打工,
酒店寒假打工,
酒店經紀人,
菲梵酒店經紀,
酒店經紀,
禮服酒店上班,
酒店小姐兼職,
便服酒店工作,
酒店打工經紀,
制服酒店經紀,
酒店經紀,

,

 

Enviar um comentário

<< Home